FANDOM


O iodo é um nutriente essencial, embora em pequena quantidade, necessário para a síntese de hormônios da tireoide [1]. A ingestão em quantidades insuficientes provoca hipotireoidismo, bócio e cretinismo, levando a retardo mental, surdez, entre outras complicações [2]. A OMS estima que cerca de 2 bilhões de pessoas no mundo tenham insuficiência de iodo [2].

Papel biológico em humanos Editar

O iodo é um elemento necessário para a constituição dos hormônios tiroxina (T4) e tri-iodotironina (T3) produzidos pela tireoide, que regulam a taxa de metabolismo basal. O iodo também tem funções no desenvolvimento fetal e neonatal, e possivelmente em outros tecidos além da tireoide [3].

Fontes nutricionais de iodo Editar

O iodo é encontrado naturalmente em alimentos como algas marinhas [4], frutos do mar, peixes marinhos, e plantas criadas em solo rico em iodo [5]. A deficiência de iodo ocorre principalmente em regiões continentais onde há pouco consumo de alimentos marinhos [2], e é rara em países desenvolvidos devido à adição de iodo no sal de cozinha, que é obrigatória no Brasil desde 1956 [6].

Deficiência de iodo Editar

A deficiência de iodo provoca hipotiroidismo, causando sintomas como fadiga, bócio, lentidão mental, depressão e aumento de peso. Durante a gravidez, a falta de iodo pode provocar cretinismo no feto, uma síndrome com sintomas como baixa estatura, surdez, retardo mental (perda de 10-15 pontos de QI), atraso da maturação e da puberdade, infertilidade, problemas musculares e de coordenação. Em bebês e crianças novas, pode provocar retardo mental [7].

Em 2007, a OMS estimou que 2 bihões de pessoas no mundo sofram de insuficiência de iodo [8], é causada a maior causa prevenível de retardo mental. A deficiência de iodo é um problema prevalente em muitos países do mundo (Veja o mapa [1]), especialmente em países em desenvolvimento [9] no Pacífico-oeste, Sudeste asiático, África, Rússia, Índia, Paraguai, entre outros, mas também em países desenvolvidos como Austrália [9], Nova Zelândia [9], Alemanha [10] e Reino Unido [11].

Soluções Editar

A solução adotada por muitos países no mundo para a deficiência de iodo foi a iodização do sal de cozinha [12], que tem baixo custo (US$1.15 por tonelada de sal, em 2006) e é considerada por vários especialistas em saúde pública a medida mais simples e eficiente para melhorar a saúde pública [13]. Outra solução foi a sua adição em outros alimentos como pães [14], farinha, leite e água [2].

Alguns sintomas de lentidão mental provocados por deficiências moderadas de iodo podem melhorar com suplementação [15]. A implementação de iodo em casos de deficiência severa pode provocar hipertiroidismo (fenômeno Jod-Basedow).

LinksEditar

Referências Editar

  1. Deficiência de iodo - Wikipédia
  2. 2,0 2,1 2,2 2,3 Iodine#Deficiency - Wikipedia (em inglês)
  3. Iodine#Biological role - Wikipedia (em inglês)
  4. Iodine#Dietary_intake - Wikipedia (em inglês)
  5. Deficiência_de_iodo#Alimentos_Fonte_de_Iodo - Wikipédia
  6. KNOBEL, Meyer; MEDEIROS-NETO, Geraldo. Moléstias associadas à carência crônica de iodo. Arq Bras Endocrinol Metab, São Paulo, v. 48, n. 1, Feb. 2004
  7. Iodine_deficiency#Deficiency - Wikipedia
  8. The Lancet (12 July 2008). "Iodine deficiency—way to go yet". The Lancet 372 (9633): 88. doi:10.1016/S0140-6736(08)61009-0. PMID 18620930. Retrieved 2008-12-05.
  9. 9,0 9,1 9,2 Iodine deficiency#Epidemiology - Wikipedia (em inglês)
  10. Patrick L (2008). "Iodine: deficiency and therapeutic considerations". Altern Med Rev 13 (2): 116. PMID 1859034
  11. ["Iodine status of UK schoolgirls: a cross-sectional survey". The Lancet 377 (9782): 2007–12. 11 June 2011. doi:10.1016/S0140-6736(11)60693-4. PMID 21640375.]
  12. Iodized_salt#In_public_health_initiatives - Wikipedia (em inglês)
  13. "In Raising the World’s I.Q., the Secret's in the Salt", article by Donald G. McNeil, Jr., The New York Times, December 16, 2006.
  14. "Nutritionist supports switch to iodised bread", article by Rebecca Gardiner, April 3, 2008, Howick and Pakuranga Times
  15. Michael B Zimmermann, Kevin Connolly, Maksim Bozo, John Bridson, Fabian Rohner, Lindita Grimci (2006). "Iodine supplementation improves cognition in iodine-deficient schoolchildren in Albania: a randomized, controlled, double-blind study". American Journal of Clinical Nutrition 83 (1): 108–114. PMID 16400058

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória